terça-feira, 27 de novembro de 2007


* Porque hoje (também) é dia de amar *

Esse ardor agora morador constante de seus peitos,
aqueles sonetos declamados,
o vestido azul,
as costas nuas,
as duas tatuagens negras,
o sorriso mais bonito que já ele já viu,
a vontade incontrolável de ser dela,
pessoas com jeito de borboleta,
ele quer expresso,
ela quer pingado, por favor...
um dia de vento,
a porta entreaberta,
vários convidados e
aquela formatura na qual iniciou o romance que vos falo,
a busca pelos sapatos prata (coisas de gente princesa, deixa assim...).
Dois sonhadores.
Não moraram ainda em Paris,
não é ele o cara mais refinado do bairro,
não é ela a moça mais paciente da cidade,
mas uma certeza não falta...
o amor dos dois é o MAIOR do mundo.

PSI: Me sinto a pessoa mais adorável que existe quando estou ao teu lado.
PSII: Por ti, amor, apenas quero ser melhor. : )

Um comentário:

Teu Amor disse...

Mas amor... tu és sim a pessoa mais adorável do mundo, mesmo quando tu nao estás ao meu lado!
Tu és o amor da minha vida, o amor de todas as minhas vidas, e sim, o nosso amor é o MAIOR do mundo todo.
Tu és o meu tesourinho, no qual eu NUNCA irei deixar. Mesmo longe, estou perto, pois tu não sai 1 só minuto do meu pensamento e do meu coração.
TE AMO MAIS Q TUDO!
Um beijo!