sexta-feira, 4 de julho de 2008


* Sobre a moça com quem eu quero dançar adentrando amanheceres *

Ela é sorriso e olhos de estrela.
Beijos longos e estilo.
Ela é minha sorte.
Ela é minha melhor amiga.
Ela é quem me põe na cama.
E é com ela quem quero acordar pelo resto dos dias.
Ela é a arquiteta responsável pelos meus sonhos.
Ela é o gesto mais delicado.
Ela é o cântico dos pardaizinhos apaixonados.
Ela é uma coroa feita de ervas daninhas e pérolas de ostras.
Ela é a última flor de ipê-roxo se despedindo da primavera.
E a primeira florezinha de ipê que saudou a estação colorida.
Ela é sorriso e bolas de algodão.
Ela é o meu abrigo contra a tristeza.
Ela é os barquinhos de papel (que querem percorrer aqueles mares, teus mares), os quais faço quando estou amuado.
Ela é o oceano.
Ela é noite de desejos intermináveis.
Ela é o cabelo loiro platinado da Catherine Deneuve.
Ela é meu vocabulário.
Ela é minha vontade de querer ser melhor.
Ela é um quadrinho de "Tenha um bom dia" na parede da cozinha.
Ela é meu pedido a São Jorge realizado.
Ela é a bondade de Abel.
Ela é um punhado de amoras reluzentes que a Dona Joana separou para preparar a torta que os meninos tanto gostam.
Ela é quem eu quero para estar ao lado no altar,
na igreja,
no ônibus,
no cinema
e no hospital (quando nossos dois rebentos chegarem).
Ela é noz e avelã.
Ela é a linha de costura que remendou meu coração de crepe que estava puído.
Ela é a testa franzida quando está brava com as injustiças do mundo.
Ela é o sol morno arrastado nas tardes quentes de verão em Porto Alegre.
Ela é o charme de Marlon Brando.
Ela é a cor rubra.
Ela é bonita, fina, fiel, culta, descolada e nem um pouquinho presunçosa por todos esses atributos.
Ela é uma plantação de girassóis bem no meio de Encruzilhada do Sul.
Ela é alecrim, açucena, pudim de leite, almofadas fofas pra descansar, constelações.
Ela é a donzela com quem protejo o meu escudo de "menino-feio-antes-sapo-e-agora-feliz-príncipe-que-tem-como-sua-princesa-o-sobrenome-amor"

PS: Sextaaaaaaaaaaaaaa!!! :D

2 comentários:

Estefanie Fernandes Simões disse...

Ai, QUE coisa mais linda!

Teu amor disse...

Oi, amor,

Pena q eu não sei escrever coisas assim bonitas, mas tu sabes o tamanho do amor que eu sinto por ti, né?

Te amo mais que tudo e sempre vou estar ao teu lado, nos momentos bons e ruins.

Um beijo!