segunda-feira, 15 de novembro de 2010


Da série postagens antigas - parte XLII - texto do dia 25/05/2007


* Dos dias ao teu lado...*

Porque tens a beleza quase inatingível das estrelas mais longínquas e ainda assim com o teu beijo consigo planar pelas coisas tristes, pelas lágrimas, pela solidão, pelos beijos sem amor.
Porque teu nome não deveria ser esse.
E não que eu ache ruim tu teres esse nome que soa como aqueles nomes da nobreza, de princesas medievais. Mas teu nome deveria ser amor.
A Menina Amora, talvez. Todos deveriam sorrir ao ver teu sorriso. Que seja com o aparelho metálico que tens adornando os dentes leitosos e perfeitos.
Seja logo quando não tiveres mais isso tudo te incomodando.
A verdade é que eu não sabia o que era o amor antes de tu chegares.
E roubo aqui tuas palavras, mas como um moço educado, gentil e quase-quase "puritano" que sou, como um bom ladrão transcrevo nessa altura do texto - que é inteirinho sobre tua companhia - o nosso diálogo.
Faz de conta que eu me chamo Fred e tu tens o nome de Elsa, sim...sim, como o filme bonito que tanto gostamos:
- Elsa, amor... estás com frio?
(e nesse momento, vocês, leitores de um blog colorido saberão sobre todas as sutilezas de um sentimento que é para sempre)
- Eu estava com frio antes de tu chegares.
E Fred então se sente contaminado com a doença mais doce que há.
Sim, Fred está apaixonado. E só lembra de ter sido apaixonado assim por Elsa. Por ela.
Há quase oito meses são assim... companheiros.
Ela faz exame de sangue, ele a acompanha e tomam um café após e juntam as mãos por baixo da mesa.
Ele termina a aula chata, de Direito Administrativo... e ela o encontra no final da manhã e saem por aí...
Talvez a grana seja curta, talvez os espinhos machuquem um tanto, talvez o céu esteja cinza e as provas sejam duras, mas os corações dos dois estão fartos (de amor, amor e amor).

9 comentários:

Keyla Nunes disse...

São muito fofos os seus posts.
Continu assim Nat.
E por muito mais tempo.
Beijos.
Kel.

ps: passa lá no meu blog.

Ná* disse...

Seus posts são lindos!!
Acompanho sempre!
Amo passar por aqui ^^
Beijo grande.

Monique Burigo Marin disse...

Só li alguns. Mas já percebi que teus textos fazem bem à alma!
Estou seguindo. :)

Carolina disse...

Teus poemas acalentam meu coração. São lindos.Parabéns.

Andressa disse...

Que doce e sincero.

Suzi Américo disse...

Natália estou em crise de abstinência dos seus textos... bjo!

Lela disse...

Oi, moça que combina com amarelo!

Saudade de vc e dos seus escritos.

Anônimo disse...

Que saudade, vc nunca mais postou!!!

Mariana disse...

"Todos deveriam sorrir ao ver teu sorriso."


isso é a coisa mais doce que já escutei.